Caixa de texto:   fastsite/full      -       Power  &  Anoint       -        1990   /   2021      -       SFS   winner

lagoinha@prsilvio.com.br

Instagram:  @silviofernandesthd/

Óleo da Unção

 

Quando estudamos sobre o tabernáculo, um das promeiras revelações que nos é dada, é que eram sombras das coisas vindouras:

"os quais ministram em figura e sombra das cousas celestes, assim como foi Moisés divinamente instruído, quando estava para construir o tabernáculo..." Hb.8:5

 

Hoje, nós somos este tabernáculo:

"Sabemos que, se a nossa casa terrestre deste tabernáculo se desfizer, temos da parte de Deus um edifício, casa não feita por mãos, eterna, nos céus.

E, por isso, neste tabernáculo, gememos, aspirando por sermos revestidos da nossa habitação celestial; se, todavia, formos encontrados vestidos (ungidos), e não nus.

Pois, na verdade, os que estamos neste tabernáculo gememos angustiados, não por querermos ser despidos, mas revestidos, para que o mortal seja absorvido pela vida". II Co.5:1:4

 

Do mesmo modo, "nestas coisas" (do tabernáculo), encontramos e devemos atentar para o óleo da unção, o que não podemos ficar sem esta particularidade em nossas vidas terrena. A unção com o óleo, tipifica o derramar do Espírito em nossas vidas. Segundo Benny Hinn, a unção é a presença do Espírito. O óleo da unção de Êxodo capítulo 30, hoje é simbólico, impossível de se fazer igual ou semelhante, ainda mais que estamos na dispensação da graça e não de uma lei que condena e aprisiona.O nosso sacerdócio é celestial em primeiro lugar, pois ministramos no Espírito, e não na carne.

 

"o qual nos habilitou para sermos ministros de uma nova aliança, não da letra, mas do espírito; porque a  letra mata, mas o espírito vivifica". II Co.3:6

HOME